Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Interação entre designers e desenvolvedores

Quem trabalha em uma empresa que cria soluções digitais lida frequentemente com o seguinte dilema:

Designers precisam aprender a programar, ou são desenvolvedores que precisam estudar design?

Cada time encara essa pergunta de forma diferente. Aqui na Taller encaramos da seguinte maneira:

“Como desenvolvedores e designers podem comunicar melhor o que fazem para as pessoas ao seu redor?”

Com essa pergunta em mente, começamos a aplicar uma série de transformações no dia-a-dia da empresa. Algumas dessas transformações foram discutidas na mesa-redonda que aconteceu na última segunda-feira (11/05) no evento Devs vs. Designers.

Devs x Designers
Interação entre desenvolvedores e designers

Segunda, 11 de maio de 2015, 19h – 22h
Florianópolis, SC
Local: SEBRAE-SC
Organização: mobLee e Cheesecake Labs

2min 47s – 11min 13s: Cadê o design(er)? – com Leonardo Farage (Cheesecake Labs)

11min 29seg – 21mi 17seg: Eu sou designer! Não design! – com Mariana Doria (mobLee)

40min 5seg: Fight! Mesa redonda com:

3 devs: Luckas Frigo (mobLee), Leonardo Farage (Cheesecake Labs), Guilherme Pacheco (Chaordic)
3 designers: Rodrigo Silva (Meus Pedidos), Ítalo Mendonça (Taller) e Mariana Doria (Moblee)

**

Estive presente no evento representando o Núcleo de Criação da Taller (ahul!) e destaco, a seguir, alguns trechos que merecem um complemento do que foi dito ao vivo.

O que é o Núcleo de Criação?

O Núcleo nasceu para agrupar as atividades de design, marketing e gestão de pessoas aqui na Taller. Hoje ele é um espaço responsável pelas demandas internas de criação da empresa.

O nosso desafio é fazer com que todas as pessoas da nossa equipe se sintam preparadas para resolver qualquer tipo de atividade que venha para nós.

Essa visão nos estimula a aprender constantemente com quem está ao nosso lado.

Quais práticas estimulam a comunicação entre o Núcleo de Criação e os demais times da Taller?

Uma prática habitual nossa é a reunião diária (daily) aberta a todos que queiram saber como estão nossas tarefas.

No entanto, a prática que trouxe os melhores resultados para a comunicação interna foi o board visual.

Indo além de uma ferramenta de gestão, o board evita sobrecarga de tarefas e mostra em tempo real o status de todas as atividades que estão no nosso horizonte.

Que ferramentas podem ser utilizadas para enriquecer a conversas entre designers e desenvolvedores?

Para conversar, nada melhor do que um sentar do lado outro. E quando digo do lado, não é a duas mesas de distância. É a um braço de distância.

Quando a conversa precisa acontecer remotamente, o Slack (chat) e o apper.in (video streaming) dão conta do recado.

Na hora de tomar decisão de interface achismo não tem vez. Métricas são o nossos referenciais. Usamos o Google Analytics para uma visão macro dos dados de acesso, e o El Tracker para colher dados de comportamento do usuário dentro das páginas.

Alguma recomendação para continuar a conversa sobre interação e acompanhar as novidades sobre o assunto?

O cara que está puxando a conversa num nível mundial sobre interação dos devs com os designers é o Brad Frost. Ele criou e difundiu o conceito do Atomic Design. Os post do blog dele valem ouro.

Aqui em Floripa, existe o grupo Atomic Dev/Designers.
Sinta-se à vontade para participar.

E, como diria o pensador e designer alemão Karlos Markos:

Designers e desenvolvedores do mundo,
uni-vos!

Interação


***
📣
Estamos contratando pessoas que desenvolvam software!
Mais informações sobre a vaga.
***